Dificuldades no Inicio da Gestação | Biah Baby Enxoval de Bebê e Infanto

Dificuldades no Inicio da Gestação

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on facebook
Facebook
Share on telegram
Telegram
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest

Primeiros Sintomas

Neste momento é possível que os enjoos comecem com tudo! O sono, o cansaço, as cólicas, as dores abdominais (leves) e nas costas também. Muitas vezes a vontade de urinar aumenta e muito!

Algumas mulheres chegam a pensar que estão com infecção urinária, porém, pode ser apenas sintomas da gestação. O ideal é fazer um exame de urina para verificar se há mesmo algum tipo de bactéria que esteja causando as idas frequentes ao banheiro.

A barriga não é evidente, porém a gravidez pode deixar algumas marcas, como o inchaço do rosto e também os seios maiores. Aliás, os seios podem ser os primeiros a mudarem totalmente durante esse primeiro trimestre de gravidez.

Eles ficarão mais sensíveis e as auréolas mais escuras. É muito importante lembrar-se de hidratar muito os seios e barriga para dar suporte ao crescimento que eles terão e prevenir as estrias. As manchas no rosto também são frequentes, são os chamados melasmas. Neste caso não há tratamento antes do nascimento do bebê.

A alteração de humor pode atingir as pessoas a sua volta, mas não menos do que você! A elevação dos hormônios pode deixar você biruta aos olhos de seus familiares e pessoas que convivem com você.

Como aliviar os enjoos na gravidez:

Para aliviar os enjoos na gravidez, tente comer pouco várias vezes ao dia, no pior período que é o da manhã tenha sempre bolachas de água e sal na cabeceira da cama e coma 2 antes de se levantar,

O gengibre também ajuda a aliviar este problema, sempre que os sintomas piorarem coma um rebuçado de gengibre ou beba chá de gengibre sem açúcar.

Outra dica é ter maças na geladeira sempre que sentir enjoos, coma uma maça fresca, devagar.

177348173

Quando Se Preocupar?

A fase mais delicada da gravidez é o primeiro trimestre, ou seja, até a 12ª semana. Isso porque o novo ser pode ter algum problema em sua formação, e então, o aborto espontâneo acontece. A fase inicial é a mais delicada também pelos níveis hormonais, se não estiverem corretos, causará sangramentos inesperados.

Muitas mulheres nem desconfiam ainda da gravidez e uma verdadeira revolução já está se armando dentro delas. A produção de alguns hormônios cai, outros, específicos da gestação, passam a ser fabricados, a placenta começa a se formar e, rapidamente, o bebê desenvolve os principais órgãos. Até o final dos três primeiros meses, ele já vai estar até fazendo biquinho e mexendo pés e mãos. Tudo acontece num piscar de olhos!

Então, não descuide: se você está tentando engravidar ou desconfia que o sonhado filhote já pode estar a caminho, confira os exames que deve fazer, entre numa dieta adequada e adote hábitos mais saudáveis. Afinal, esta é a hora de garantir um final feliz para sua gravidez.

Mudanças de hábito

  • Suspenda o uso de analgésicos e antitérmicos. Só use remédios recomendados pelo obstetra.
  • Diante do menor atraso menstrual, asmáticas, diabéticas, hipertensas e portadoras de problemas vasculares precisam substituir ou regular as doses dos medicamentos que usam no controle dessas doenças.
  • Cremes dermatológicos que contenham ácido retinóico na fórmula não podem ser empregados, pois causam malformações. Evite também a exposição desnecessária a raio X.
  • Fumantes precisam abandonar o vício ou, pelo menos, reduzir o consumo para até quatro cigarros diários. Bebidas alcoólicas e outras drogas devem ser igualmente descartadas. O alerta vale também para o futuro papai.
  • Elimine ou diminua significativamente o consumo de cafeína, presente no café, chá preto, refrigerantes à base de cola e chocolates.
  • Se você é adepta de atividades físicas de alto impacto, converse com o obstetra sobre a conveniência de diminuir o ritmo nesse primeiro trimestre.

OBS.: Procure um profissional para melhor auxiliá-la tanto antes, quanto durante a gravidez!

E que seu pequeno venha abençoado e cheio de saúde!

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *